Pesquisa
    • Aa+
    • Aa-
    • Aa+
    • Aa-
    Inteligência Artificial
    https://estrategiasquetransformam.com.br/wp-content/uploads/2020/03/Televisão-com-Inteligência-Artificial.jpg

    O avanço das TVs

    Assistir a seu filme ou programa preferido, no conforto da sua casa, na sua televisão é uma comodidade que só melhorou ao longo dos anos. Quando surgiu a internet e, mais tardiamente os serviços de streaming, a tendência apocalíptica era dizer que a televisão ia acabar. Essa história não se fortaleceu, pois no mundo atual, “nada se perde, tudo se transforma” e com a TV não foi diferente.

    A primeira inovação e transformação do aparelho se deu pelo lançamento das Smart TV (TV inteligente), que têm conexão à internet, o que permite ao usuário uma imersão profunda no tipo de conteúdo que preferir na plataforma (digital ou analógica) que quiser.

    Assim, os serviços de streaming que antes só podiam ser encontrados em aparelhos que tinham internet, como o Netflix e Amazon Prime, passaram a ocupar também a “velha”, mas avançada televisão. Não só isso, o Youtube, que também captou grande parte da audiência que era exclusiva do aparelho, agora integrava o catálogo da TV.

    Uma pesquisa realizada pela TIC domicílios em 2019, mostrou que o número de brasileiros conectados à internet cresceu, passando de 68% para 70% da população, o que equivale a 126,9 milhões de pessoas.

    Isso ao mesmo tempo em que, segundo o IBGE, o número de pessoas que utilizavam a internet na TV aumentou para 57% em 2018. Só em 2017, cerca de 20% (20,6 milhões) já usavam a TV como método de navegação.

    A tendência é só aumentar com a disseminação das smartTVs com inteligência artificial. A tela grande e comodidade produzida pelo aparelho só ficará cada vez mais atraente.

    Um aparelho integrado

    Em 2018, em um evento de tecnologia em Las Vegas, a LG anunciou a “ThinQ” um modelo de televisão com inteligência artificial que recebe comandos de voz e se conecta também ao Google Assistant. Esse aparelho permite personalizar e atender melhor os desejos do telespectador. Ela permite que você encontre com facilidade os programas que quer assistir com o comando de voz.

    Além disso, por ter a capacidade de também se interligar a outros eletrodomésticos da casa, esse aparelho permite controlar para além dos comandos da própria televisão, como aumentar e abaixar volume, e também a comodidade de fazer tudo sem sair do lugar. É só pedir e (se as funções estiverem sincronizadas à TV), ativar.

    A Sony também está investindo nesse tipo de tecnologia e, mais cedo ou mais tarde, seus televisores também terão essa capacidade. Futuramente, grande parte das televisões do mundo terão a inteligência artificial como principal produto. A smart TV apenas conecta o aparelho de televisão à internet, já a inteligência artificial  faz muito mais do que isso. Ela te dá possibilidades incríveis de ter a TV para além de entretenimento.

    Esse tipo de ferramenta será cada vez mais comum em um futuro/presente que a cada dia aperfeiçoa mais sua conexão com a internet. O 5G já está ativo em vários países do mundo e já está chegando ao Brasil. O que tornará cada vez mais fácil a utilização e inserção do mercado brasileiro nesse tipo de tecnologia.

    Propaganda e conteúdo personalizados

    As propagandas terão uma maior capacidade de personalização. Todo o conteúdo apresentado para você passará por um filtro de importância e só serão apresentadas propagandas de produtos que você tem interesse.

    O Google já faz isso com perfeição ao verificar quais sites visitamos e tendo acesso ao comando de voz do celular. Dessa forma, ele coloca em websites apenas propagandas de produtos que demonstramos interesse em comprar.

    Se a televisão com inteligência artificial for ativada, isso se tornará comum também em aparelhos televisivos. Imagine: será como estar assistindo ao seu programa preferido e logo em seguida, nos comerciais, aparece a propaganda de um produto que você vem procurando e pesquisando há dias em uma quantia extremamente acessível.

    Antes era quase que impossível saber o exato momento em que o seu cliente para de assistir determinado spot ou vídeo publicitário (seja na tv ou nos smartphones). A tecnologia que resolve esse problema é a “Multi Channel Attribution Across Multiple Screens (MCA — AMS)”, que significa atribuição de múltiplos canais por múltiplas telas.

    Os profissionais de marketing terão a possibilidade de melhor distribuir o seu produto, usando vários canais simultaneamente. Você pode replicar uma mesma propaganda ao mesmo tempo em todos os aparelhos digitais do seu consumidor, além da TV, como tablet, computador, celular entre outros.

    A TV com IA interliga todos os aparelhos digitais, o que permite a essa ferramenta mapear a jornada do consumidor e entender o seu comportamento a respeito de determinada propaganda. Dessa forma, o profissional de marketing entenderá o impacto do estímulo publicitário no comportamento consumidor com mais precisão.

    Não só isso, com esse tipo de informação, você transforma a sua audiência em pessoas. Elas deixam de ser um número a atingir e passam a fazer parte do que é produzido. A sua escolha e engajamento se torna mais visível e importante na produção de conteúdo, não só para a internet, mas também para a televisão.

    Interagindo com a TV

    Na maioria das vezes, assistimos a programas de entretenimento ou de notícias e alguma ou outra informação nos passa despercebida, temos dúvidas ou curiosidades a respeito do conteúdo.

    Quando isso acontece, corremos para o smartphone e digitamos a dúvida no Google, seja o nome do restaurante que está sendo citado em um programa de culinária ou o nome daquele ator da novela que você não consegue recordar quem é.

    Com uma Televisão IA ligada ao comando de voz, como o Google Assistant, você será capaz de perguntar a sua televisão informações sobre o vídeo ou programa que está assistindo, assim como ator, sem precisar do auxílio de outro aparelho ou dispositivo de pesquisa. O mesmo serve a respeito de informações de jogos, placar, música e o clima, por exemplo.

    Você poderá desligar os aparelhos da sua casa ligados ao Google Assistent com apenas um comando de voz, aumentar o volume entre outras coisas. Imagine estar assistindo ao masterchef e conseguir pedir em um aplicativo o prato que está sendo preparado sem se movimentar do sofá ou clicar em algum comando para fazer o pedido.

    TV como companhia

    Alguns acreditam que a televisão será até mesmo uma companheira fiel de quem se sente sozinho, dando opção de nunca desligar. Será um robô inteligente e sempre à disposição.

    Já é pensada em tecnologias que permitam que mesmo ‘desligada’ ela continue funcionando e captando as suas necessidades. Ela poderá te atender sempre que uma dúvida aparecer, como um monitoramento pessoal, fazendo uma companhia ao usuário.

    Sempre que dizemos que foi criada uma tecnologia que substituirá a TV, percebemos que o aparelho é adaptado às mudanças e se torna cada vez mais eficiente, ampliando oportunidade de negócios e permitindo aos usuários maior liberdade de personalização e escolha.

    Publicado em:

    Estrategias que Transformam

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    A Inteligência Artificial invade a linguagem cognitiva humana e muda nossas vidas para sempre

    NPL e AI

    Nos últimos dois anos foram gerados 90% dos dados hoje disponíveis no mundo. O cálculo é de Bernard Marr, ...

    Inteligência Artificial por Tripulação ET

    Série

    _Além da transformação

    Assine e receba a série que reúne heads compartilhando conteúdo exclusivo para você enfrentar os desafios da transformação.