Transformação digital exige uma revolução humana?

A verdadeira transformação digital exige uma revolução humana, que parte de dentro para fora da sua empresa, leva em conta o impacto empresarial e a cooperação multidisciplinar,  traz resultados concretos e duradouros e torna a organização adaptativa.

Com o avanço cada vez mais rápido da tecnologia e a migração cada vez mais em massa para o digital, e o aumento da competitividade de mercados cada vez mais ambíguos, muitos começaram a querer ditar o que é certo e errado sobre a transformação digital. As definições passam por diversos filtros, algoritmos, ideais e entre aqueles que querem surfar na buzzword e chegam ao leitor  com diferentes conceitos e de diferentes maneiras, distorcendo a realidade e criando: os mitos sobre a transformação digital.

O discurso superficial do que é a transformação, faz com que o processo real seja visto como algo que pode acontecer da noite para o dia, mas quem trabalha em empresas em transformação, ou que necessitam ser transformadas, sabe que as coisas são mais complexas e os resultados são mais difíceis de serem alcançados. 

Mas, afinal, o que é a transformação digital em sua essência? Como fazer para alcançá-la? Quais empresas foram realmente bem sucedidas nesse sentido? 

Neste artigo você poderá entender melhor sobre a prática da transformação digital e conseguir diferenciar quando ela é aplicada da forma correta a partir dos resultados colhidos. Confira!

Mudança e transformação Digital: conceitos básicos para diferenciar

Já falamos anteriormente por aqui, que a Transformação Digital, vai muito além do marketing.

Um ponto chave para entender como os mitos sobre as transformações digitais surgem é a partir da definição destes dois termos básicos: mudança vs transformação.

Mudança e transformação podem parecer a mesma coisa, mas quando paramos para pensar é fácil perceber que uma é mais profunda e mexe com diversidade e mais profunda enquanto a outra é mais superficial, fazendo alterações mais básicas para melhorar uma necessidade pontual.

mudança e transformação digital
mudança e transformação digital

Quando a empresa migra apenas do físico para o digital? Mudança. Investir em marketing digital? Mudança! Começou agile na empresa? Mudança. Alguns objetivos podem ser alcançados com mais facilidade. Adotar métodos não convencionais é significativo, mas não transforma sua empresa, e com a adequação de novos processos e tecnologia, você torna sua organização prepara e atual, mas é necessário muito mais do que isso. Mudança está muito mais relacionada a digitalização de processos e serviços, ou a implementação de metodologias que aprimoram processos e torna a empresa mais rápida para tomada de decisão. Porém, mudar neste contexto trata-se simplesmente em tornar algo melhor.

Muitas vezes o necessário, de fato, é uma mudança, ela é o início da Transformação. Contratar profissionais específicos, desenvolver uma estratégia data-driven e entender e pensar em novas soluções: isso se encaixa na ideia da mudança. E somente depois de realizar as mudanças necessárias você será capaz de se tornar transformador.

É fácil perceber, portanto, que quando falamos em adotar novas ferramentas ou até mesmo medidas tecnológicas por si só, por exemplo, tem a ver com o conceito de mudar, mas não é algo na mesma proporção de impacto que a transformação é capaz de gerar. Afinal, ao inserir um novo modelo de gestão os integrantes da empresa serão capazes de perceber que os procedimentos se tornam mais ágeis, de fato, mas é algo pontual, não transformador.

Então, afinal, o que é a transformação? Como é possível fazer com que sua empresa consiga instituir um importante? A gente explica a seguir, confira!

O que é transformação e por que ela pode ajudar o seu negócio

transformação da era digital
transformação da era digital

A transformação, como já dissemos anteriormente, é muito profunda. Podemos vê-la como um grande amontoado de pequenas mudanças que, unidas e feitas em sequência, alicerçadas em uma estratégia empresarial específica e apoiadas por uma cultura forte, com o direcionamento certo, proporcionam a transformação de pessoas, processos e mercado.

Além disso, a transformação também tem muito a ver com a importância de tirar a sua empresa da zona de conforto para atingir novos patamares e traçar objetivos dentro de novos mercados.

Com a competitividade crescente, acaba sendo essencial usar os preceitos da transformação para inovar, crescer e ficar na mente do público para ser visto como diferente e essencial. Para isso, portanto, é preciso começar da base e estruturar modelos e processos que tornem sua empresa mais do que resiliente, adaptativa.

Como transformar a sua empresa de modo efetivo

É comum que durante a trajetória da sua empresa sejam definidos alguns pontos chaves dentro de uma determinada estratégia. O que é deveras importante pois serve para dar um norte nesse primeiro momento, mas é essencial saber que você precisa estar preparado para seguir em frente e experimentar novas possibilidades. Mas isso não pode ser feito de qualquer forma.

Quando falamos em transformação empresarial é exatamente a isso que nos referimos: a necessidade de explorar novos nichos, novos mercados, com novas ofertas, e não só alcançar novos clientes e projetar a imagem da marca, mas gerar um impacto significativo na vida de todos.

Por serem tantos fatores atrelados ao mesmo tempo, o processo deixa de ser uma mudança e passa a ser, de fato, uma transformação. No entanto, para que ela seja feita de forma efetiva, é preciso seguir o processo de forma linear até que o objetivo maior, da transformação em si, seja alcançado.

O ponto de partida deve ser a parte teórica ou a obtenção de conhecimento, ou seja, a definição de uma estratégia multi-disciplinar e a contratação ou o desenvolvimento de pessoas considerando o contexto da empresa. Com isso em mente, todos estarão devidamente preparados para seguir para o modelo de execução. Sem o pleno entendimento dos pontos fortes e fracos de seus ativos empresariais pode ser prejudicial para o processo de transformação.

Agora que já entendemos o que é transformação, a sua importância para as empresas e como deve ser feita, podemos entrar na parte que muitos têm dificuldade em entender: a transformação digital, um conceito que acaba perdendo a propriedade devido a tantos mitos que surgem no mercado e acabam esvaziando-o. Quer entender o que realmente é a transformação digital? Basta continuar lendo!

Transformação digital: o que é, importância e como fazer

transformação digital nas empresa
transformação digital nas empresa

A existência física do seu negócio, como vendas, atendimento ao público e prestação de serviços, por exemplo, deve estar atrelada de forma síncrona com o âmbito digital e isso pode ser feito de maneiras diversas, mas é necessário entender a essência e os diversos setores da sua empresa e como eles conversam entre si antes de começar o processo de mudança.

De acordo com dados coletados por pesquisadores da Escola de Negócios IMD, na Suíça, 95% das empresas que buscam o sucesso da transformação digital falham e isso é devido ao mito de que o processo significa apenas aderir novas tecnologias esperando que o negócio prospere.

Rob Lewellyn, especialista no assunto, usa uma abordagem bem dinâmica para explicar o quão complexo é o processo de transformação digital através do método THRIVE, termo que em tradução literal significa “florescer”, que atribui um aspecto do pensamento em cada letra. THRIVE, ao ser analisado mais a fundo, significa transformação, holístico, resposta, inovação, valor e empreendimento.

Mudança, como falamos anteriormente, é capaz de conter problemas menores, manter a empresa organizada e moderna, mas isso não é suficiente. Transformação é um processo que diz muito sobre elevar a capacidade interna do negócio e o alcance de novas oportunidades de forma externa.

Mas a transformação não é capaz de ocorrer se a empresa não for vista na perspectiva holística, ou seja, integrada. É preciso pensar no sistema de causa e consequência: quando mudamos o funcionamento de certo setor, produto ou serviço, como o resto da empresa sente essa alteração? Pense de forma integrada, sem individualizar cada âmbito.

A resposta dada pela empresa às oportunidades e desafios também é um ponto chave para a transformação digital de sucesso. Mas resposta em que sentido? Ao encontrar barreiras, que tal não tentar apenas superá-las ou evitá-las, mas usá-las também para entender sobre os pontos fracos do seu negócio? Mudar a forma de pensar pode trazer informações grandiosas sobre o seu negócio e que podem ser usadas futuramente para preparar sua equipe ainda mais em desafios futuros.

Já as últimas letras, que correspondem aos valores e ao empreendimento em si, têm um contexto mais social de demonstrar a identidade da sua empresa tanto ao público, no sentido externo, quanto aos funcionários e demais participantes da empresa, interno, fazendo com que todos vejam para além do mercadológico – e as ferramentas digitais são essenciais para que isso possa ser alcançado.

A transformação digital deve acontecer em todos os níveis para que seja efetiva, tanto os líderes, quanto supervisores e estagiários: todos devem observar o processo sob uma visão estratégica empresarial guiada por dados coletados pelos meios tecnológicos, não apenas achismos.

Viu só como a transformação digital precisa ser integrada de diversas formas para poder funcionar? Quando trabalhamos apenas com um setor, sem pensar nos outros problemas da empresa e em como eles conversam entre si, será vista uma melhor momentânea, mas apenas a transformação digital é capaz de lidar com as diversas necessidades de uma vez.

Está em dúvida sobre como a transformação digital influencia no desempenho de uma empresa? Confira alguns casos de sucesso que usaram a estratégia e colheram bons resultados!

Transformação digital na prática: casos de sucesso

É impossível falar sobre sucesso no e-commerce, ou comércio digital, sem citar o caso da Magazine Luiza como exemplo. Durante a pandemia do coronavírus, enquanto diversas empresas descobriram a necessidade de migrar para o digital de maneira apressada e sem a devida preparação, a empresa conseguiu não apenas manter o índice de lucro, mas sim aumentá-lo em quase 50% em comparação ao ano anterior.

De acordo com Maria Luiza Trajano, CEO da Magazine Luiza, o sucesso no desempenho é resultado de um investimento no e-commerce que é feito há anos, diferente das empresas que só pensaram na transformação digital a partir do contexto da pandemia.

Além disso, é interessante perceber que as ações da Magazine Luiza são integradas entre as lojas físicas e o universo online, integrando promoções, anúncios e até mesmo uma conversa mais direta com o público através da personagem Lu. O avatar 3D foi criado como personificação da marca e apresenta produtos como jogos e celulares de forma divertida, como se fizesse parte de seu dia a dia.

Assim, as pessoas ficam cientes de produtos disponíveis para a compra e mantêm a imagem da marca na cabeça quando pensam em onde comprar. É o exemplo perfeito de como a transformação digital pode ser revolucionária.

A transformação digital, como mencionamos anteriormente, tem a ver com a busca por alcançar novos públicos, explorar novos mercados e atuar de forma segura neles. Como exemplo para esse tipo de atitude, é válido citar a ação conjunta feita pelas empresas Claro, Oi, TIM e Vivo.

Durante a pandemia, devido a necessidade de ficar em casa como forma de prevenção, as empresas de telefonia se uniram em uma campanha revolucionária incentivando a comunicação à distância.

As empresas focaram em oferecer recursos diversos, como atendimento digital, suporte técnico ao cliente, liberação de canais por assinatura na TV, bônus de internet e isenção de dados para que os clientes pudessem acessar canais de comunicação do Governo e órgãos sanitários.

Assim, assinantes de outras operadoras poderiam migrar em busca dos benefícios oferecidos, tornando-se, deste modo, novos clientes.

Com os exemplos práticos, fica fácil perceber a importância de entender a transformação digital verdadeira, deixando de lado os mitos que são criados em torno dela. É preciso esforço e planejamento para que haja uma integração efetiva e os resultados sejam alcançados.

Equipe de comandantes, especialistas preparados para retirar insights do mercado e transformar em conteúdos relevantes

tripulação ET
tripulação ET